Tendencias: Corselete

O Corselete traz sensualidade à mulher, com busto marcado e cintura bem ajustada. Só deu corselet nas coleções do verão nacional, várias marcas e estilistas apostaram nessa idéia. Também chamado de corset, espartilho, corpete, sabe-se que foi no século 20, que o costureiro, como eram chamado os estilistas da época, Paul Poiret, revolucionou a moda e libertou as mulheres do espartilho, que já as acompanhava há quatro séculos. Nesse período, as mulheres começaram a exigir novos modelos que correspondessem melhor as suas necessidades, pois seu modo de vida havia mudado.
Tinha início à popularização das práticas esportivas e surgia ainda uma classe média de mulheres que trabalhavam. Porém, a morte propriamente dita do espartilho não foi nessa época e sim na Primeira Guerra Mundial. Como os homens foram para guerra, as mulheres assumiram seus postos de trabalho (no campo e nas fábricas). Então usar uma peça como essa era praticamente impossível. Os espartilhos foram gradativamente sendo substituídos por cintas. Foi nesse momento, que o sutiã passou a ser fundamental. Ele já havia aparecido em anúncios publicitários no final do século 19, mas não conquistou muito as mulheres. A moda, entretanto, voltou a adotar a silhueta marcada, em 1940, trazendo de volta os espartilhos, porém mais leves. E agora no século 21 ele surge novamente bem menos cruel e com várias formas e modelos.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s